quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

O maior culpado

Chama-se Pornopopéia o maior responsável pelo meu sumiço absoluto destas linhas que vos escrevem. Um calhamaço muito provavelmente inapropriado para menores de idade, daqueles gostosos de se carregar pra cima e pra baixo quando acontece da gente grudar num livro sem conseguir largar até terminar. E quando termina, não consegue evitar pensamentos do tipo do “o que vai ser de mim agora”. Um puta livro, enfim, sem o perdão da palavra, porque se você tem alguma pretensão de mergulhar nas épicas horas do herói sem nenhum heroísmo ou caráter, puta é das mais leves que você vai encontrar.

Já faz mais de uma semana que aquelas páginas me abandonaram e insistiram, teimosas, em terminar, mas o vazio literário continua. Possivelmente intencional, depois daquela avalanche barroca de instantes dos quais fica impossível se desvencilhar. Pergunte a quem tentou falar comigo enquanto eu lia, gargalhando, e se irritou quando eu simplesmente não escutava me chamarem.

Tirando, obviamente, Benjamín, que me fazia fechar o livro sem tanta pena. (É recomendável ler o livro de Reinaldo Moraes concomitante às horas de sono do rebento, pois que se trata de dois entes, o rebento e o livro, que exigem plena atenção.)

Benjamín, que agora fala buuuuu apontando pra luz e auau pra toda e qualquer criatura viva não humana que se mova (borboleta, cavalo, pássaro e até cachorro), e emite os mais deliciosos e poéticos sons cujo sentido vamos existindo juntos.

E borboleta, cavalo, pássaro e cachorro significam que estivemos no sítio alguns maravilhosos dias, que nos deixaram com a vontade-semente de oferecer pro nosso amado sorridente mais amplidão cotidiana. Não é?

10 comentários:

Lia disse...

Igual emília! Tudo é auau, inclusive peixe! E todos os animais fazer "wraaaaww", inclusive a vaca.

Anne disse...

Nati, que saudade de vc por aqui e na vida rela, chica!
Que coisa, como eu aprendi a gostar de vc... que maluco!
Me deu vontade de voltar a ler: confesso desde que pari, só blog e jornal. Livros, comecei três.
Preciso ser persistente.
Muito fofo esse irmão gêmeo de outra mãe e outro pai do Joaquim... hoje só o gato ganhou destaque, todos os outros bichos do mundo são au! Por que né? Eu não ficava falando "ó o au-au..."
Sou até meio contra baby talk- eu falo cachorro, gatinho, o nome dos bichos mesmo...
Por que au?
Desconfio que aqui foi para imitar o miado mesmo do mel. e o resto dos bichos do mundo ganharam o mesmo apelido...
ai como são fofos esses meninos!
precisam se enontrar para bater um papim!
esse sábado tem cinematerna táfins?
bjo bjo

Naiara Krauspenhar disse...

Até que enfim!!!!
Eu já ia protestar por tanto tempo sumida!!!!
Isso não se faz...
Quase "muri" de saudades dos textos mais deliciosos eveeerrrr!
Porque quase toda criança chama os bichos de au? De onde vem essa relação?
BJos

Anônimo disse...

Olá,

Saudade dos seus textos, muito bom você ter reaparecido.
A minha sobrinha é facinada por auau, ela não chama todos os bichinhos por esse nome, mas, todas as revistas da casa já foram vasculhadas em busca do pequeno animalzinho peludo.. rss..
Adorei a dica, vou procurar, estou precisando de um livro que seja para descontrair, rir um pouco... estou na metade de dois que são muito tristes e não têm me feito bem continuar (A hora da estrela - da Clarice; Subterrâneos da Liberdade - I do Jorge Amado).
Vou correr atrás do Pornopopeia!! rsrs..
Um livro daqueles que prendem a atenção e divertem é "A casa dos budas ditosos" - é para ler em poucos dias, nada muito profundo, mas, eu gostei.
E continue, eihn?!

bjos,
Fabi (faby.rod@bol.com.br)

Thaís Rosa disse...

hum! vou atrás desse livro assim que acabar o do Galeano. Ando faminta por literatura, adorei a dica.
delícia esse começo de tagarelice do pequeno, logo mais ele vai estar uma matracatrica igual o caio, deixa a gente até zonza!!
e, por fim, bora ampliar o espaço do pequeno mesmo! vocês moram em apê? projeto casinha djá?
beijocas e some não.

Carol disse...

que bom que vc voltou, tava com saudade!!

fiquei curiosa pra ler o livro! se bem que meu sono grávido nao me deixa ler 3 páginas sem comecar a bocejar, mas confiei que essa indicacao tua vai é me manter de olhos bem abertos!

beijo no Benjamín fofo que fala auau pra tudo!
e outro pra vc, bonita!

Natalia disse...

Pessoas queridas, recomendo muito o livro, mas aviso: drogas, sexo e rock & roll a dar com pau, hein?

Sarah disse...

Que bom que vc está de volta! Que delícia ler suas palavras que viram poesia até para o mais comum dos dias. E que gracinha imaginar Benja balbuciando as primeiras palavrinhas.
Fiquei curiosa pelo livro, vou procurar.
bjos

Martha disse...

Ai... oh, sou mais uma a fazer coro com saudades de suas postagens, heim! Como sempre adoro!!
Entendo perfeitamento o motivo do sumiço.. eu para matar minha vontade/loucura pelos meus queridos livros, tenho lido até altas horas o q me rende altas olheiras.. srsrs mas.. compensa!! rsrs
Bjnhos em vc e no falante Benja!!!

Tatiana Bonotto Cake Designer disse...

Gostei do seu blog, muito bacana, vou te visitar mais vezes.

Quando puder passe no meu blog, vai ser um prazer ter sua companhia.

www.tatidesignercake.blogspot.com

bjs

Tati

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...